Últimos assuntos
» CRIAÇÃO DE PECULIARIDADES
por Minna Umauni Sab Mar 17, 2018 2:12 am

» REGISTRO DE FACECLAIM
por Minna Umauni Sab Mar 17, 2018 1:21 am

» 1° Episódio: O retorno de Diamond e Swift!
por Yamin Qui Mar 15, 2018 2:28 am

» A Grande Mudança
por OTheRealPH Dom Mar 11, 2018 7:03 pm

» Tokyo Sexwale
por Okura Sab Mar 10, 2018 11:13 pm

» Feline Fury
por O Emperador Dom Fev 18, 2018 1:19 pm

» God’s Vision
por O Emperador Dom Fev 18, 2018 1:02 pm

» [FP] Yakuzo Shimada
por Yakuzo Shimada Ter Fev 13, 2018 10:06 pm

» Com grandes poderes vem grandes oportunidades!
por Yamazaki Raizo Sab Fev 10, 2018 2:02 am

» Hollow
por O Amaldiçoado Sab Fev 10, 2018 1:48 am

» The Line Bender
por O Amaldiçoado Sab Fev 10, 2018 1:48 am

» Know Why the Nightingale Sings?
por Bijin Seg Fev 05, 2018 12:09 pm

» SOLICITAÇÃO DE NARRADOR
por Bluesday Dom Fev 04, 2018 11:38 pm

» [PEDIDO DE MISSÃO] - Howker's
por O Mestre Dom Fev 04, 2018 7:59 pm

» [PEDIDO DE MISSÃO] - Howker
por O Emperador Dom Fev 04, 2018 2:39 pm

» [FP] Raegar Howker
por O Emperador Dom Fev 04, 2018 2:34 pm

» [FP] Raegar Howker
por O Emperador Dom Fev 04, 2018 2:34 pm

» [FP] - Nico Howker
por O Emperador Dom Fev 04, 2018 2:33 pm

» I - Two and a Half Women
por Ceji Sab Fev 03, 2018 3:35 pm

» Luz, Câmera e Ação.
por Wa_Shiranai Seg Jan 29, 2018 4:09 pm

Nombre apellido
Mejor héroe
Nombre apellido
Mejor Villano
Nombre apellido
PJ más activo
Parceiros

Élite 2/40

XP XP XP XP XP XP

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: XP XP XP XP XP XP

Mensagem por dragonmbr em Sex Dez 22, 2017 1:34 pm

–O seu filho de uma puta, como espera que passemos na porra do evento se cada robô é tão difícil de derrotar? Vai fazer nos darmos hit kill neles do nada depois? - Falaria para o narrador após apanhar novamente. Ignoraria a dor que estava sentindo, poderia pensar nela depois que estivesse já passado no teste, Também não queria dar esse gostinho para o narrador. Então rapidamente tentaria pegar o canhão que havia tirado do robô e apontar para o mesmo e atirar. Com o tiro funcionando eu falaria para o narrador –Até que enfim esse arrombado fez alguma coisa certa- Caso não funcionasse eu falaria para o narrador – Espero que sua morte seja lenta e dolorosa..... Que morra afogado em seu próprio mijo. -

Independente se o tiro funcionasse ou não gritaria para meu irmão – TROCA! - Correria em direção ao robô do meu irmão, em Zig Zag caso percebesse que o robô atirador ainda me tinha como alvo, se não apenas correria em linha reta. Caso a arma estivesse funcionando eu atiraria no peito do robô enquanto corria em direção ao mesmo, o peito seria o alvo maior e mais fácil de acertar, principalmente por que estaria me aproximando do robô. Independente se o narrador deixasse eu brincar com uma arma de fogo ou não eu iria continuar avançando em direção ao robô pelo lado que o braço dele estivesse machucado. Chegando próximo o suficiente usaria o canhão que peguei como um bastão e daria um golpe horizontal segurando com ambas as mãos com toda minha força. Tentando acertar a cabeça do oponente.

Se enquanto avançasse o robô me atacasse diagonalmente eu iria me esquivar indo para o lado que existia o braço danificado. Se percebesse que me esquivar não fosse o suficiente em um movimento defensivo iria segurar o cano do canhão com ambas as mãos e movimentar o mesmo com todas minhas forças tentando bater na lateral do golpe do robô. O objetivo era claro eu iria tentar desviar o golpe do mesmo, mas não pararia por ai. Iria aproveitar o movimento para girar trezentos e sessenta graus e dar um golpe com todas as minhas forças na lateral da barriga do oponente. –Chupa essa arrombado! - falaria para o narrador tendo sucesso em fazer o golpe.


Se os golpes viessem das laterais enquanto avançava eu iria continuar avançando, mas tentaria me esquivar indo em direção ao braço ferido do oponente, me abaixando caso o golpe fosse na parte superior do meu corpo, ou pulando caso fosse na parte inferior. Caso fosse necessário abaixar eu iria avançar abaixado segurando o canhão com as duas mãos e daria um golpe frontal em forma de estoca de baixo para cima em forma de estocada no queixo do oponente tentando tirar o mesmo do chão e fazer estragos na cabeça do mesmo, se a arma ainda estivesse funcionando eu iria atirar enquanto estivesse com ela no queixo do mesmo. Caso fosse necessário pular para desviar do golpe eu iria pular levando meu pé direito para frente assim em forma de uma voadora tentaria acertar a cabeça do robô. Obtendo sucesso em acertar falaria triste – bem que poderia ser o narrador-

Caso tivesse sucesso em derrotar o oponente falaria animado para o narrador cuzão –Com isso eu ganho uma kill e assistência quando meu irmão derrotar o atirador, não é arrombado?- . Caso o Robô ainda estivesse em pé após isso eu soltaria um suspiro triste e falaria desanimado –Esse vai ser um evento longo e tedioso... Espero que esteja feliz narrador desgraçado- nas ultimas palavras meu tom de voz se tornaria nervoso.

Caso fosse atacado enquanto não estava avançando contra o oponente e o golpe fosse frontal, tentaria segurar o canhão de forma vertical na frente do golpe do oponente, seguraria o mesmo com as duas mãos, cada uma próxima de uma das extremidades do canhão, meu pé direito estaria mais recuado tentando conseguir um apoio melhor. Caso visse que não teria sucesso em bloquear daria um pulo para a esquerda tentando me esquivar. Se já tivesse bloqueado e percebesse que a força do oponente era muito superior que a minha daria um pulo para trás tentando diminuir o impacto e escapar por meio disso.

Se o golpe viesse das laterais tentaria bloquear segurando com as duas mãos uma das extremidades do cano e o levando com todas minhas forças contra o golpe do oponente tentando bloquear, tendo sucesso falaria – Pode vim narrador filha da puta! Eu aguento!- . Caso não tivesse sucesso em bloquear tentaria dar um pulo para trás tentando me esquivar do golpe do oponente por meio disso. –Filha da puta!- ofenderia a mãe do narrador conseguindo escapar do golpe ou não.

Se apanhasse outra vez eu falaria nervoso –Só pra te lembrar seu arrombado, a staff falou que se narrar bem você passa no evento, então para de fazer os capangas serem tão difíceis... já que temos que matar vários ainda, seu pau no cu arrombado do caralho -
avatar
Narrador
Mensagens :
66
Data de inscrição :
23/10/2017

dragonmbr
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XP XP XP XP XP XP

Mensagem por OTheRealPH em Sab Dez 23, 2017 12:48 pm

Gabriel otário demora dois anos pra postar
• Era bom que eu tacasse o foda-se pra você e acabasse logo com o espadachim, mas aí você ia ter tempo o bastante pra acabar com o atirador antes de eu conseguir ao menos tentar roubar a kill •




> Enquanto eu estava distraído pensando sobre como arrancar a arma daquele robô iria ajudar e muito a acabar com outros bem mais rápido, eu acabei não prestando atenção aos movimentos do robô após meu golpe, o que acabou fazendo com que eu tomasse um golpe gratuito feito um retardado.

Bem, não é como se aquilo fosse algo tão sério, afinal, desde que eu tomasse cuidado para aquilo não se repetir, não parecia que iria ser muito fácil para os robôs me acertarem. De qualquer jeito, parecia que a luta do Ed também estava acabando, até porque uma das armas do robô atirador já tinha sido arregaçada, então se a gente quisesse realmente garantir o máximo de pontos possível, a melhor coisa que a gente podia fazer era trocar de alvos agora, já que do jeito que as coisas estavam indo, pelo menos o meu robô provavelmente já era depois de tomar mais um golpe.

Sabendo disso, eu iria momentaneamente olhar para o Ed e o robô atirador e, caso o idiota tentasse fazer algo estúpido como atirar num robô já todo acabada com uma arma ainda mais lascada e isso por algum motivo bizarro e inexplicável desse certo, eu partiria para cima do robô espadachim para finalizá-lo, correndo em linha reta na sua direção, visando esquivar para seu lado direito(que assumindo que ele estava olhando para mim, seria minha uma esquiva para minha esquerda) caso ele tentasse me atacar na vertical ou na diagonal, preparado para bloquear o ataque ao interceptá-lo com meu braço direito, caso eu visse que seria muito difícil apenas desviar e, caso o ataque fosse na horizontal, eu tentaria me abaixar ou pular por cima dele, dependendo de sua altura. Ao chegar no robô, eu desferiria um soco com toda minha força buscando quebrar de vez aquele braço para assim, com sorte, diminuir o tempo que eu precisaria para arrumar minha arma. Claro, poderia até mesmo ser verdade que pensar em tudo isso fosse um exagero, já que o braço da espada robô já estava sem funcionar e era justamente ele que eu estava visando acertar, o que acabaria dificultando qualquer ação ofensiva por parte de meu inimigo.

Caso ele tentasse atirar e ou a arma não funcionasse, ou desse errado e ele acabasse tomando dano ou ele simplesmente decidisse ser um ser humano decente e não tentasse atirar no robô atirador, eu partiria para cima do atirador, correndo em zigue-zague (que eu fui procurar como era o jeito certo de se escrever porque sou demente), mas ainda prestando o mínimo de atenção possível no robô espadachim para ao menos poder tentar desviar ou me defender de um possível golpe que ele pudesse tentar desferir contra mim.

Já que eu sabia que aquele robô não iria aguentar mais muito tempo, claro que surgia aquela vontade dentro de mim de finalizar ele da maneira mais legal possível, mas infelizmente eu ainda estava desarmado e, por mais legal que uma voadora nele pudesse ser, caso eu tentasse fazer isso e errasse, eu estaria praticamente pedindo para tomar um outro tiro de graça, então infelizmente esse robô não seria derrotado de uma forma chamativa.

Quando eu me aproximasse o bastante para já conseguir cogitar um golpe em potencial, é aí que eu prestaria atenção a cada movimento do robô atirador, e tentaria me movimentar de forma a não ficar na frente de suas armas, me aproximando já sem pressa e, ao ter o robô dentro do alcance dos meus golpes corpo-a-corpo, tentaria acertar um soco em qualquer lugar menos protegido dele, assim como eu havia feito com o espadachim antes. Claro, um chute ia ser mais legal? Ia, mas também ia me deixar bem mais aberto a contra-ataques, e já que aqui o que eu quero é fazer o máximo de pontos possíveis, estilo é algo secundário, então quanto menos risco minhas ações tiverem, melhor para mim.

_________________
avatar
Narrador
Mensagens :
130
Data de inscrição :
23/10/2017

OTheRealPH
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XP XP XP XP XP XP

Mensagem por Hunson em Qua Dez 27, 2017 1:30 pm

Edward reclamava mais uma vez como uma moça por seu plano não ter saído como o esperado, felizmente ele havia conseguido a arma do robô, sem demorar em sua reclamação o jovem Ludvig tenta usar a arma recém-adquirida contra o próprio robô, porém o disparo a havia a inutilizado o que fez o rapaz ofender novamente o narrador.

Como a arma não havia funcionado Edward grita para seu irmão pedindo para trocarem de alvo correndo em direção ao robô espadachim que desviava a atenção com o grito do rapaz permitindo que Sven pudesse passar por ele sem problemas em direção ao robô atirador com o espadachim correndo logo atrás dele.

Os dois garotos se movem em ziguezague para evitar os disparos do robô que tentava mirar neles, mas sem efetuar nenhum disparo, após os irmãos se cruzarem Edward dá de cara com o Espadachim que tentar acertar um soco direto em seu peito rapidamente o rapaz se abaixa para desviar do golpe se posicionando ao lado do braço danificado do robô, segurando forte no cano que havia conseguido o levanta acertando o queixo do robô o fazendo levantar poucos centímetros para cair de costas no chão sem se mover, o que fez Edward questionar o narrador se ganharia uma kill e uma assistência por aquilo.

RESPOSTA:
conversei com o boss do evento sobre isso e pelo fato de vocês apenas finalizarem o robô do outro a pontuação de assistência não vai contar.

Sven se aproximava cada vez mais diminuindo o ritmo da corrida se posicionando f o atirador começava a disparar contra o rapaz com a arma que lhe restava o rapaz consegue desviar das balas procurando um lugar mais vulnerável para acertar, ao se aproximar o suficiente Sven desfere um soco contra o pescoço do robô que dá passos para trás caindo ao chão; Os dois robôs haviam caído, porém Edward ainda sentia uma sensação ruim como se algo fosse acontecer;

Historico:
Sven
Hp: 61 – 12 = 49
Sp: 50

Edward
Hp: 56 – 9 – 9 = 47
Sp:50


Extra ED:
Braço ralado pelo impacto com o chão;
2 barras de especial cheias;
Com o cano do robô na mão

Extra Sven:
avatar
Civil
Mensagens :
64
Data de inscrição :
25/10/2017

Hunson
Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: XP XP XP XP XP XP

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum